19/02/2011

Tailândia! Um sonho antigo, bem antigo...

Minha vontade de conhecer esse país que agrega quase tudo que eu prezo em uma "viagem ideal", é cultivado dentro de mim há pelo menos uns oito anos!


A começar pela sua natureza exuberante, onde você encontra as "consideradas" praias mais lindas do mundo (não vejo a hora de comprovar a fama), florestas imensas e bem tropicais, ilhas desertas, fazendas de criação de elefantes, parques nacionais, cidades históricas com mais de 600 anos e muito bem preservadas, gastronomia única e bem saborosa, fora os mais de 400 templos só pela capital de Bangkok.


Em um país onde 95% da população é budista vem ai a melhor parte: o povo tailandês! Difícil de explicar em palavras a sensação de ser recebido por um tailandês! Eles carregam o coração no olhar!







Apesar da maioria não conseguir se comunicar em inglês, parece que tudo aqui flui com harmonia, calma, alegria, respeito e sim, com segurança! Que palavra valiosa para um turista hoje em dia, não acham? Há, esqueci um outro detalhe: nada aqui dói no bolso!
Ops, tem mais uma coisa: aqui é o país da massagem! Bons motivos pra vir pra cá, não?!




Nossa viagem para a terra do sorriso começa na sexta-feira, 18 de fevereiro em San Francisco no vôo da Cathay Pacific. Com uma escala em Hong Kong, totalizamos quase 17 horas no ar.

A chegada no aeroporto no sábado, dia 19/02 foi tranqüila e é fácil de perceber na fila da imigração que o mundo inteiro vem pra cá. Em 2010, Bangkok ficou em segundo lugar no ranking das cidades mais visitadas do mundo. Só perdeu para New York.


Logo no aeroporto um amigo tailandês nos esperava para nos levar até o hotel que escolhemos chamado Bangkok Loft Inn. Sim, aqui é muito comum a prática de free translado hotel + aeroporto. E você só dá uma gorjeta se quiser!


Chegamos no hotel recepcionados na porta com um sorriso lindo da recepcionista com dois sucos naturais de laranja. Check in rápido e eficiente, antes de subir para o quarto, ela nos deu duas bananas. Com aquele sorriso no rosto, você não tem como não aceitar! Quarenta minutos pra se recompor, preparar a mochila e lá vamos nos pela primeira vez pelas ruas de Bangkok.


Pegamos o Skytrain, um estilo metrô aéreo muito usado aqui e que liga quase toda a Bangkok de ponta a ponta. Resolvemos conhecer a Siam Square e seus arredores. Por lá mesmo almoçamos em um restaurante típico local chamado Som Tam Nua. Bem saboroso e diferente do que estamos acostumados a conhecer sobre a cozinha tailandesa no Brasil ou nos Estados Unidos. Depois pegamos o famoso Tuk Tuk para ver o pôr-do-sol no Chao Prayar river.




Esse foi o momento mais lindo do dia, sem dúvida. Pegamos o barco local mesmo e fomos percorrendo aquele rio enorme, que corta toda Bangkok com aquele visual amarelado e cheio de silhuetas...o povo tailandês é quieto. O verbo "apreciar" é bem aplicado por aqui.


Descemos na estação do Wat Pho (Templo do Buda reclinado) e fomos caminhar pela região mais antiga de Bangkok. Um bairro muito simples mesmo, com construções de palafitas pelos rios, varais e ruelas bem pequenas, com pequenos gatos caminhando pelas ruas, os monks ali parados admirando o pôr-do-sol também...foi o melhor momento pra brincar de fotografia! Lindo, lindo mesmo!


Uma dica! Tem um café que descobrimos nas andanças, bem escondidinho nessas ruelas que é uma jóia rara pra descansar e tomar um Thai Iced Tea! Chama-se "Vivi,The Coffee Place".

O Café faz parte de um hotel boutique chamado Aurum. O visual do lugar, de frente para o rio foi o presente do dia. E ainda tinha uma música linda tocando no ar!
Aqui abaixo segue de uma foto que conseguimos captar ontem.






Além dos templos budistas, a Old City é conhecida também pelas escolas de massagem ao redor. Que difícil entrar numa daquelas portinhas depois de quase 30 horas no ar e receber mais um carinho desse povo tão amoroso!


Depois de tudo isso, fomos descansar. Amanhã tem os templos! oba, oba!

Obrigada amigos por acompanhar nossas andanças...




Alguns preços só para ter uma idéia:


- Ticket SFO / BKK - $ 1.100
- Diária do Bangkok Loft inn - $ 32
- Passagem no Sky Train- $ 1,02
- Almoço Som Tam Nua (2 cervejas grandes + 4 pratos) - $ 22
- Ticket do barco para andar no Chao Phraya River - $ 0.80
- Viagem Tuk Tuk - Hotel ate' centro da cidade - $ 7
- uma hora de massagem tailandesa - $ 7


Sites:


http://www.bangkokloftinn.com/


http://www.aurum-bangkok.com/


http://www.hisfoodblog.com/2011/02/som-tam-nua-som-tam-paradise-siam.html


Endereço:


One Pho Original Thai Massagem
256 Maharaj Road Soi Tha Rongmoe, Pranakorn

3 comentários:

  1. Bacana Can!!Fico muito feliz mesmo em saber que vc ta realizando um sonho antigo,isso eh sempre tao especial.Adorei ler a respeito de suas primeiras experiencias por ai!!E eh isso ai continue sempre apreciando a paisagem!!

    ResponderExcluir
  2. Que massa, meus Amigos Amados! Já estou viajando com vcs! Amoooo os dois! Divirtam-se bastante e nos mantenham informados! Beijos

    ResponderExcluir
  3. Can, como sua descrição tão poética da viagem, parace que estava aí com vcs! Aproveitem! Bjão!

    ResponderExcluir

se quiser mais informações, por favor mande um email para
vidaeumaviagem@gmail.com
obrigada