01/03/2011

Krabi Town - jantar delícia para 2 + 2 cervejas por 7 dólares? Ah, va'!

Saímos de Bangkok na terça-feira, dia 22 de fevereiro num vôo direto de uma hora para Krabi pela da Air Ásia, atualmente a melhor low fare do oriente!

Uma pechincha os preços pra voar entre os países do sudeste Asiático (ou por trechos dentro do próprio país). Só pra ter uma idéia, você consegue ticket de Phuket para Bali (3 horas de vôo) por 40 dólares.

Se você procura vôos baratos mundo afora, segue abaixo um link que reúne quase todas as low fares airlines de mais de 50 paises. É simples usar. Você entra na página principal, coloca o país a ser explorado e já aparece as companhias aereas e suas conexões.




http://www.attitudetravel.com/

Chegamos no pequeno aeroporto de Krabi às 3 da tarde e em 30 minutos de táxi já estávamos no centrinho. Deixamos as malas no quarto do hotel bem localizado chamado “A Mansion” e em frente ao hotel alugamos uma moto para dar uma banda pela região.

Quando você chega no sul da Tailândia, o que você mais deseja ver é uma praia, assim pegamos o mapa e localizamos a mais próxima: Ao Nang.

Pelo mapa, uma distancia de uns 15 km de onde estávamos. Pela estrada, na moto levamos uns 40 minutos até o destino em um asfalto bem novinho.

Achamos um barzinho tailandês bonito na beira mar e por ali ficamos relaxando e curtindo o visual. Quando escureceu pegamos a estrada de volta para Krabi town, devolvemos a moto e fomos dar uma banda pelo centrinho.

Eu sempre ouvi falar que a Tailândia era muito barata e que se podia comer bem gastando míseros dólares em uma refeição. Pois bem, foi aqui em Krabi que pude comprovar que o blábláblá era real!


No centrinho de Krabi tem uma praça grande e bonita com varias barraquinhas de rua onde toda a turistada senta naquelas mesinhas espalhadas pela praça para jantar.
Resolvemos experimentar também. Eu fui no tradicional Pad Thai e o Dani escolheu um caranqueijo com uma vagem típica aqui da região (chamada morning glory).
Pra beber, Chang, a cerveja dos campeões. Uma delícia de refeição e ainda por uma bagatela de sete dólares, melhor ainda não acham?!

Depois do jantar, fomos caminhar um pouco pelas lojinhas, mas a energia do corpo já estava entrando no low battery! Seguimos para o nosso hotel simpleszinho mas com tudo que precisávamos: uma cama boa e um chuveiro legal.

Próxima parada: As Ihas Phi Phi

Nenhum comentário:

Postar um comentário

se quiser mais informações, por favor mande um email para
vidaeumaviagem@gmail.com
obrigada